Bancada goiana define destinação de quase R$ 170 milhões em emendas para primeiro ano de governo de Caiado

Em reunião nessa terça-feira (30/10), a bancada goiana no Congresso Nacional definiu a destinação de quase R$ 170 milhões em emendas impositivas nas áreas de saúde, educação e segurança pública. Recursos, conforme disse o senador e governador eleito Ronaldo Caiado (Democratas), que vão atender aos maiores clamores dos goianos. Os repasses serão feitos em 2019, primeiro ano de governo de Caiado, e vão contemplar hospitais de nove cidades do interior goiano, o Hospital das Clínicas, as polícias militar e civil, bem como serão usados na compra de ônibus escolares, patrulhas mecanizadas, entre outros. A reunião teve a presença de praticamente todos os deputados e senadores que compõem a bancada de Goiás.

“Para se ter uma ideia, nós hoje fizemos com que R$ 49 milhões sejam repassados para nós podermos aparelhar unidades médicas especializadas de saúde de várias cidades do interior do Estado. Temos um segundo ponto que foi na área da segurança pública, dando oportunidade para que a nossa polícia técnica, da área da inteligência, tivesse um repasse de R$ 5 milhões e a outra parte para atendermos os nossos policiais com melhor armamento e proteção, no valor de R$ 15 milhões. Outros R$ 20 milhões serão repassados para o Hospital das Clínicas para que lá possamos dar continuidade a uma obra que é 100% fruto de emendas de bancada”, enumerou Caiado.

Os quase R$ 50 milhões mencionados pelo senador serão direcionados para Unidades de Saúde Especializadas (USE) de nove municípios: Uruaçu, Formosa, Posse, São Luiz dos Montes Belos, Cidade de Goiás, Águas Lindas, Ipameri, Goianésia e Quirinópolis. Recursos que vão auxiliar na conclusão de obras e compra de equipamentos.

“As outras emendas no valor de R$ 79 milhões serão distribuídas dentro de um entendimento que pode ser tanto de verba para a Sudeco quanto para o FNDE para podermos ter os nossos ônibus escolares ou também na agricultura com as nossas patrulhas mecanizadas. Lá estando como governador eu receberei as emendas e também saberei fazer o reconhecimento público do apoio que tive de toda a bancada na Câmara e no Senado”, assegurou Caiado, anunciando que cada obra concluída ou equipamento adquirido com emendas de bancada ele fará o reconhecimento da origem dos recursos.

O governador eleito reforçou que boa parte dos repasses serão voltados para saúde já que a área representa hoje a demanda da população do Estado.

“Em todas as pesquisas que nós fizemos 47% da população diz que sua maior demanda é na área da saúde. É um clamor de proporções jamais vistas até hoje no estado de Goiás”, disse. Caiado afirmou que os R$ 50 milhões destinados a unidades especializadas de saúde serão essenciais porque atendem várias regiões do Estado e poderão contribuir no tratamento e prevenção de doenças responsáveis por muitas mortes e sequelas graves. É caso do AVC (acidental vascular cerebral ou derrame), de complicações em decorrência do diabetes e infarto. “São situações que poderemos dar condições mínimas de cidadania, de qualidade de vida a essas regiões do Estado de Goiás”, pontuou.

Ronaldo Caiado encerrou a reunião convidando a bancada a participar da sua posse 1º de janeiro de 2019 e a estar junto com ele sugerindo políticas públicas e atuando no trabalho de resgate do Estado.

“Quero não só convidá-los, mas talvez convocá-los para que estejam conosco no dia da posse. É um gesto que não é apenas a candidatura de um partido, é uma posição de um governador de Estado que saberei cumprir a liturgia do cargo. Será uma honra da minha parte recebê-los no dia posse ou a qualquer momento que vocês desejarem discutir políticas”, atestou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *