Praia Grande/SP: Mourão com folga na pesquisa continua firme na caminhada

Imagem retirada do perfil do Facebook do candidato, Alberto Mourão

O atual prefeito de Praia Grande tem quase 80% de aprovação da população

Por Antonio Carlos Sobral

Que o prefeito de Praia Grande/SP, Alberto Mourão (PSDB), é um homem destemido e determinado quando o assunto é política, não há dúvidas.
No entanto, nessa eleição de 2016, Mourão parece estar mais a fim de levar suas propostas aos eleitores da cidade.

Todas as noites, incluindo sábados e domingos, comparece a todas reuniões marcadas por candidatos a vereadores de sua coligação. E olha que são muitos! Já durante o dia, caminha por todas as ruas de todos os bairros, entregando pessoalmente seu “santinho” e falando sobre seu plano de governo.

Vejam, por exemplo, os números da pesquisa realizada pelo IPAT de A Tribuna de Santos. Mesmo sendo expressivos e com uma frente jamais vista no município, Mourão continua firme em sua caminhada.

jornal_pesquisa

Pesquisa IPAT
Alberto Mourão (PSDB) caminha firme para o seu quinto mandato como prefeito de Praia Grande. Pelo menos é o que indica o Instituto de Pesquisas A Tribuna (IPAT), que apresenta o atual chefe do Executivo e candidato à reeleição com 59% das intenções de voto, o que acabaria com a possibilidade de um inédito segundo turno no Município.

Seu adversário mais próximo é Carlos Karan (PSD), que aparece com 12,7% das intenções de voto na pesquisa estimulada – aquela em que os nomes dos candidatos são apresentados aos entrevistados pelo instituto de pesquisa. Segundo vereador mais votado em 2012, ele está à frente de Rosana Marques (PSL), que tem 0,9% do eleitorado; Ribamar Santos (PSDC), que aparece com 0,5%; e do jornalista Jasper Bastos (PSOL), com 0,4%.

 

Recorte do jornal A Tribuna de Santos

O índice de indecisos, a oito dias da eleição, é de 16,7%. Os que pretendem votar em branco ou nulo somam 9,8% dos eleitores praia-grandenses.
A liderança de Mourão se destaca quando levados em conta apenas os votos válidos, ou seja, descontando-se aqueles que ainda não sabem em quem votar e os que não pretendem escolher nenhum dos candidatos na disputa.
Nesse cenário, o prefeito tucano dispara, com 80,3% das intenções. Carlos Karan fica com 17,3%, e Rosana Marques, com 1,2%. Os demais não alcançam nem sequer 1% da preferência do eleitorado.

A pesquisa espontânea – onde os nomes dos candidatos não são listados para o entrevistado – ratifica a liderança folgada de Mourão, que surge com 48,6%. Seu principal adversário tem 8,3% nesse quadro.
O levantamento indica, ainda, que praticamente um terço dos eleitores ainda não está convicto do voto e admite que pode mudar de opinião até o dia da eleição. Na convicção por candidatos, porém, nova vantagem de Mourão, que tem 77,2% de apoiadores garantindo o voto em 2 de outubro.
Dentre os eleitores de Karan, 71,7% dizem que estão certos da escolha. Jasper tem 66,7% de convicção do eleitorado, contra 57,1% de Rosana. Ribamar pode perder a preferência de até 75% dos que disseram que pretendem escolhê-lo.
O IPAT ouviu 800 eleitores de Praia Grande no último dia 20, levando em conta a população proporcional de cada bairro. O intervalo de confiança do levantamento é estimado em 95%, com margem de erro estatístico de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral com o número de identificação SP- 01050/2016.

Mourão tem quase 80% de aprovação da sociedade

Aprovação
O cenário eleitoral do Município pode ser explicado pela aprovação do quarto mandato de Mourão, que se encerra em dezembro. Para 72,3% dos praia-grandenses, a gestão atual é aprovada, contra 22,8% que reprovam a Administração – 4,9% não souberam responder à pergunta.
Somados, os eleitores que consideram o Governo ótimo (16,2%) ou bom (47%) chegam a 63,2%, ante apenas 10,1% que o consideram ruim (5%) ou péssimo (5,1%). Há, ainda, 25,1% que consideram o mandato de Mourão regular, enquanto 1,6% não responderam a esse questionamento.

Fonte: PGN9