PTB de Goiás promete brigar por vaga em chapa: Demóstenes Torres é a aposta para o Senado

“Nossa convenção será realizada no dia 5 agosto e até o último dia nós vamos brigar para que Demóstenes Torres seja candidato a senador pelo PTB”, frisa Jovair Arantes

O Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) realizou na segunda-feira, 23, um encontro com os seus pré-candidatos a deputado estadual e federal nestas eleições e reafirmou o desejo de contar com o procurador de Justiça Demóstenes Torres na composição da chapa majoritária em que o partido coligar. O tema foi abordado pelo presidente do partido, o deputado federal Jovair Arantes, no auditório do Hotel Golden Tulip, em Goiânia.

“A nossa convenção será realizada no dia 5 agosto e até o último dia nós vamos brigar para que Demóstenes Torres seja candidato a senador pelo PTB”, afirmou Jovair, reforçando o pedido para que existam critérios para a escolha dos candidatos ao Senado.

Demóstenes foi o segundo nome a assumir a palavra e disse que as articulações continuam até o fim do período das convenções. “As pesquisas tem mostrado um crescimento contínuo nas minhas intenções de voto e uma queda acentuada da rejeição”, frisou Demóstenes.

O prefeito de Anápolis, Roberto Naves, citou a sua própria história na política ao lembrar que iniciou a campanha de 2016 com menos de 1% nas pesquisas de opinião. “Quando atingi 6%, me mandaram pisar no acelerador”, contou.

A reunião teve como objetivo apresentar instruções para os pré-candidatos do PTB nas eleições deste ano. Uma equipe de advogados e contabilistas foi colocada à disposição dos integrantes do partido para retirarem dúvidas sobre o processo eleitoral e acompanhar o período de eleição.

Sobre Demóstenes Torres

Demóstenes Torres formou-se em Direito pela PontifíciaUniversidade Católica de Goiás e é integrante concursado do Ministério Público de Goiás desde 1983. Foi Procurador-Geral do órgão antes de ocupar o cargo de Secretário de Segurança Pública, entre 1999 a 2002, no governo de Marconi Perillo.

Filiado ao DEM, foi eleito senador da República em 2002 com 1 239 352 votos. Concorreu ao governo de Goiás em 2006 mas obteve apenas 3,5% dos votos, ocupando a quarta posição. Ocupou o cargo de presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado, a mais importante Comissão da Casa.

Foi considerado pela Revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano de 2009.

Como presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado, Demóstenes Torres participou do I Congresso Mestiço Brasileiro, promovido pelo Nação Mestiça em Manaus, capital do Amazonas, em 20 de junho de 2011, onde discutiu temas como o Estatuto da Igualdade Racial e o sistema de cotas em universidades públicas.

Assumiu em março de 2011 a liderança da bancada do Democratas no Senado, substituindo José Agripino Maia. Em 13 de julho de 2013 Demóstenes casou-se com a advogada Flávia Gonçalves Coelho. ag.

Desde o dia 20 de julho de 2012, Demóstenes reassumiu o cargo de procurador no Ministério Público de Goiás.

Com Informações do Site www.jornalopcao.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *