Goiás investe em moradias no Entorno do DF

O combate ao deficit habitacional em uma das regiões mais populosas do Estado ganha reforço com o investimento pelo Governo de Goiás na construção de 546 moradias no Entorno do Distrito Federal. As unidades habitacionais estão sendo construídas nos municípios de Luziânia, Cidade Ocidental e Valparaíso, com investimento superior a R$ 28 milhões, dos quais mais de R$ 8 milhões em Cheque Mais Moradia, contrapartida do Estado aos recursos federais.

A parceria firmada pela Agehab com o governo federal beneficia famílias com renda até R$ 2.600. As obras de 240 destas unidades habitacionais estão em fase de conclusão, com execução em mais de 60%, com previsão de entrega no início do próximo ano.

A auxiliar odontológica Raquel Félix, de 25 anos, e o marido estão ansiosos pela mudança para o Residencial Buritis I, em Valparaíso de Goiás, que está com 60% da obra de 96 apartamentos da primeira etapa executada. Eles são casados há seis anos e ainda moram na casa dos pais dela. Praticamente todos os dias, o casal vai até o canteiro de obras para conferir a construção do tão sonhado apartamento. Ela conta que já tinha tentado várias vezes financiar uma moradia, mas a exigência da entrada emperrava o processo.

Graças ao Cheque Mais Moradia, do Governo de Goiás, no valor de R$ 15 mil por unidade habitacional, não foi preciso pagar a entrada, o que possibilitou a aquisição do apartamento. Ela já está pagando o financiamento do imóvel, no valor de R$ 484. “É mais barato que um aluguel. Por isso estamos tão felizes, só aguardando o momento da mudança”, conclui.

A operadora de caixa Samara Ferreira Martins, 26 anos, está realizando seu maior sonho, que é adquirir a casa própria. Ela também aguarda a conclusão da obra do Residencial Buritis I, para sair de vez do aluguel, de R$ 450. Pela moradia, está pagando prestações de R$ 540, pouco mais que o valor do aluguel. Segundo Samara, a ajuda do Governo de Goiás, com o Cheque Mais Moradia, foi primordial para essa conquista. Ela já tinha tentado comprar, mas o valor da entrada pesava pra o casal. “Graças a Deus, deu certo. O investimento vale muito a pena e cabe no nosso bolso”, diz ela.

Além do Buritis I, estão em construção 108 unidades habitacionais no Alvorada V, em Cidade Ocidental, com mais de 60% da obra executada. Em Luziânia, são 126 moradias em construção no Alto Maravilha X, com mais de 45% de execução da obra. As outras 216 unidades habitacionais já estão contratadas na Agehab, com previsão de início no próximo ano.

O presidente da Agência, Cleomar Dutra, informa que o investimento viabilizado pelo Governo de Goiás na área habitacional no Entorno do DF é da ordem de R$ 92,7 milhões, dos quais R$ 46,5 milhões de recursos do tesouro estadual por meio do Cheque Mais Moradia e o restante proveniente da parceria com o governo federal nas várias modalidades do Minha Casa Minha Vida. Os recursos foram destinados à construção de 2 mil 324 unidades habitacionais, das quais 1.507 já foram entregues. Também foram reformadas mais de 8 mil moradias na região com recursos do Cheque Reforma. Na região, um total de 10,5 mil famílias foram beneficiadas com casa própria, reforma de moradias precárias e equipamentos comunitários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *