96 apartamentos entregues em Valparaíso de Goiás por meio de Programa Habitacional do Estado

Os apartamentos ficam localizados no Setor de Chácaras Ipiranga, Residencial Buritis I. Ao todo serão 1008 residências subsidiadas no município

O governo do Estado de Goiás, por intermédio da Agência Goiana de Habitação (Agehab), em parceria com a Caixa Econômica Federal e o governo municipal de Valparaíso entregou no último sábado, 06 de abril, 96 apartamentos liberados pelo Programa Habitacional do Estado, destinado exclusivamente à construção de moradias populares para as famílias goianas com inclusão do Cheque Mais Moradia.

Os primeiros 96 apartamentos ficam localizados no Setor de Chácaras Ipiranga, Residencial Buritis I. Ao todo serão 1008 residências subsidiadas em Valparaíso de Goiás.

O prefeito Pábio Mossoró destacou a relevância do projeto habitacional. “Este projeto é muito importante para nossa comunidade, porém, é fundamental a continuidade deste projeto. Quando a comunidade confia o voto ela confia na expectativa do trabalho e é isso que nós temos feito, independente de governo, nós queremos dar continuidade aos programas que possam beneficiar nossa população”, pontuou.

A deputada estadual Lêda Borges abordou o papel social da Agência Goiana de Habitação.  “A Agehab tem a missão no Governo de ser o braço da igualdade de direitos da habitação para aqueles que não podem pagar uma parcela mais alta, mas que têm direito a habitação. Estou aqui como alguém que sonhou junto tudo isso. Há 2 anos o Governo de Goiás se comprometeu em trazer para esta cidade a Agehab, são 1008 habitações subsidiadas aqui em Valparaíso. Que os 96 compradores desse empreendimento sejam abençoados. Que Deus esteja à frente cuidando desse lar”, completou.

Segundo o presidente da Agência Goiana de Habitação (Agehab), Eurípedes do Carmo, o Governo de Goiás investiu R$ 15 mil por unidade habitacional, o que ajudou a reduzir para as famílias o valor das prestações do financiamento.

Foram contempladas com o recurso do Governo de Goiás todas as famílias que atendiam aos critérios do programa estadual: renda até R$ 2,6 mil, nunca ter sido beneficiado em programas habitacionais (federal, estadual ou municipal), vínculo comprovado de no mínimo três anos com o município, entre outros.

O Buritis I conta com 96 unidades, distribuídas em 16 blocos de três pavimentos, com seis apartamentos em cada bloco. O residencial é murado, com guarita, portão de entrada, playground e uma vaga de garagem por unidade.  Os apartamentos são de 44,77 m², com dois quartos, banheiro, sala, cozinha e área de serviço.

Para Janara Gomes de Souza moradora de Valparaíso há 6 anos, é a realização de um sonho. “Estou muito feliz porque eu sempre paguei aluguel e tinha que trabalhar o dobro para dar conta das despesas da casa porque o aluguel normalmente era muito caro, mas, como Deus é tão maravilhoso, hoje conquistei minha casa própria e meu dinheiro está sendo empregado no meu lar”, disse.

A construção do residencial foi viabilizada pela parceria Governo de Goiás e governo federal. O valor total da obra foi de R$ R$ 7.098.149,72, com R$ 5.658.148,72 provenientes do Programa Minha Casa Minha Vida, empreendimento contratado por Financiamento à Produção, faixa 1,5 do FGTS (renda até R$ 2,6 mil), pela Caixa Econômica Federal, com a contrapartida do Estado.

A parceria entre os governos estadual e federal permitiram prestações mais acessíveis aos moradores, que pagam entre R$ 430 e R$ 470 mensais. O financiamento da Caixa para as famílias foi feito em 360 meses. O cadastro e a apresentação das áreas para construção ficou a cargo da Prefeitura de Valparaíso de Goiás, realizado em novembro de 2017, já a análise e aprovação dos cadastros ficou sob função da Caixa Econômica Federal e a Agehab.

Participaram do evento autoridades federais, do estado e municipais.

Assessoria de Comunicação do Governo Municipal de Valparaíso de Goiás

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *