“Foi desumano e irresponsável”, diz Lêda Borges sobre fechamento do HCamp de Águas Lindas

Durante discurso no Pequeno Expediente da sessão plenária desta quinta-feira, 20,, a deputada estadual Lêda Borges (PSDB) voltou a criticar o fechamento do Hospital de Campanha de Águas Lindas de Goiás, na Região do Entorno de Brasília. Segundo ela, o fechamento foi “desumano e irresponsável”, em um período de pandemia da covid-19 em que a população precisa de atendimento médico para o tratamento da doença.

“Não importa de quem é a culpa. Se é do ex-ministro Pazuello ou se é do governador Ronaldo Caiado. O que mais importa é que fechou e que a comunidade precisa do hospital, do serviço que ele oferecia e das UTIs”, disse.

De acordo com Lêda Borges, a população do Entorno ficou desassistida com o fechamento do HCamp de Águas Lindas. “Moro naquela região e tenho dito quanta falta o hospital faz. Uma região com mais de 600 mil pessoas não pode ficar sem um Hospital de Campanha. O fechamento foi uma irresponsabilidade administrativa muito grande”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *