Brasileiros consomem 430 milhões de litros de vinho em 2020, o equivalente a 172 piscinas olímpicas

Com tanta gente consumindo vinho na pandemia, vale a pena saber o que seu rótulo favorito diz sobre a sua personalidade, não é mesmo?

O vinho tem caído no gosto do brasileiro ano após ano. Na pandemia (que atingiu o Brasil no início de 2020), o consumo aumentou consideravelmente. É o que revela o relatório anual da Organização Internacional do Vinho (OIV).

Segundo os dados, o consumo de vinho cresceu 18,4% no Brasil em 2020, em comparação com 2019. O país foi na contramão do mercado internacional, que teve uma queda de 2,8%.

Divulgado em abril de 2021, o documento mostra que a elevação do mercado de vinho brasileiro é a maior em 20 anos. No total, os brasileiros consumiram 430 milhões de litros no ano passado, o equivalente a 172 piscinas olímpicas, considerando as que têm comprimento de 50 metros e profundidade de 2.500 metros cúbicos (ou 2.500.000 de litros).

Além do mais, é importante destacar que o Brasil é um continente no que se refere a solos e climas. São 26 regiões produtoras em 10 estados, cada uma com suas particularidades. Assim, é válido dizer que colhemos uvas sãs por aqui.

Ou seja, no Brasil, as uvas têm estado no ponto ideal de maturação para cada tipo de vinho a ser elaborado. O que também significa que a última Safra foi uma vindima que uniu qualidade e volume.

A relação entre o vinho e a personalidade

O vinho é uma das bebidas mais admiradas e bem quistas no mundo, especialmente por causa do sabor e características que podem, inclusive, trazer benefícios à saúde.

Sendo assim, é muito comum que o consumidor tenha uma uva ou um rótulo favorito. Mas você sabia que o vinho pode estar relacionado com a sua personalidade?

Segundo um estudo realizado há alguns anos pela revista French Wine With Style, foi revelado uma variedade de características e atributos diversos sobre os tipos de consumidores de vinhos.

Quem prefere vinho tinto

Quem costuma ter preferência pelo vinho tinto, por exemplo, tende a ser menos impulsivo e, ao mesmo tempo, mais descontraído. A justificativa está diretamente relacionada ao consumo de açúcar.

Geralmente, o consumo de açúcar tende a aumentar a impulsividade nos humanos – o que não é o caso de quem consome vinho tinto. Sobre perfis, podemos dizer que pessoas que preferem os vinhos tintos são mais confiantes.

Quem prefere vinho branco

Quem costuma ter preferência pelo vinho branco, por sua vez, tende a ser mais ligado em trabalho e status no âmbito profissional. Podem, também, ser chamados de workaholics.

Vale dizer que essas pessoas, em geral, são mais tímidas, apesar da tendência à praticidade e à busca pela solução para qualquer problema. São pessoas que, de maneira geral, ocupam lugar de destaque na área profissional.

Quem prefere vinho rosé

Completamente diferente dos consumidores de vinhos tinto e branco, os que têm preferência por vinho rosé costumam ser extrovertidos, com a capacidade de se relacionar com facilidade e se adaptar ao meio.

De maneira geral, quem gosta de vinho rosé é mais adaptável a mudanças, já que sente prazer com a fuga da rotina e do óbvio. O que já é característica de quem foge dos vinhos mais tradicionais.

O que seu vinho favorito diz sobre a sua personalidade?

O estudo feito pelo French Wine With Style relaciona os tipos de vinho a diferentes perfis de personalidade. É importante ressaltar que não se trata de verdades absolutas nem de análises deterministas, mas vale a pena conferir o que cada vinho pode dizer um pouco sobre cada pessoa.

Quem prefere Cabernet Sauvignon

Pessoas charmosas, independentes, que adoram desafios. São daquelas que adoram uma roda de conversa, mas preferem ouvir mais a falar. Apesar disso, chamam atenção por gostar dos mais variados assuntos.

Quem prefere Merlot

Apaixonados pela vida, por festas e são extremamente sociáveis. É o tipo de pessoas que adoram alegrar os outros e se adaptam facilmente aos perrengues da vida. Além de responsáveis, levam a vida de forma leve.

Quem prefere Pinot Noir

Intelectuais e focados. São adeptos a teorias e ao silêncio entre a maioria. Apesar disso, são pessoas sensíveis e vaidosas, mas que podem também ser elegantes.

Quem prefere Shiraz

Visionários e conectados. São pessoas cheias de ideias e ideais, sem medo de se expor ao mundo. Costumam ser mais impulsivos, mas também tem uma veia mais filosófica e espiritual.

Quem prefere Malbec

Intensidade e profundidade começam a definir quem gosta de Malbec. São pessoas de poucos, mas fiéis amigos e que não se encaixam em multidões. Geralmente, gostam de conversas longas e significativas.

Quem prefere Cabernet Franc

São pessoas curiosas e realistas. Ou seja, elas gostam de desafios e se organizam para lidar com eles. Isso porque, apesar de tudo, são sistemáticos e muito metódicos.

Quem prefere Carmenère

São pessoas com espírito aventureiro e sede por novidades. Elas estão sempre dispostas a conhecer o mundo sem receios e colecionar memórias e experiências por onde passam.

Quem prefere Chardonnay

São pessoas tradicionais e clássicas, que não costumam arriscar muito. Elas costumam não mexer em “time que está ganhando” e querem estar sempre preparadas antes de tomar uma decisão.

Sauvignon Blanc

Energético é a palavra que pode começar a definir quem gosta desse vinho. Líder de grupo, controlador, de personalidade forte. São pessoas competentes e qualificadas.

Quem prefere Vinho Rosé

Esses são os famosos românticos e apaixonados. São também positivos e sonhadores que vivem a vida como protagonistas de um filme de sessão da tarde.

Mas, afinal, o que diferencia cada vinho? Cor, aroma, sabor? São diversas diferenças que dizem quem é quem nesse mundo dos vinhos. Brincadeiras e personalidades à parte, o vinho é uma bebida rica em variedade e variações.

Por isso, seus tipos podem até refletir a personalidade de quem os bebe. Agora que você sabe disso, fica mais fácil de comprar vinhos online, no supermercado ou até mesmo na adega, certo? Qual dos tipos de vinho acima mais combina com a sua personalidade?

Por Gustavo Silva – Foto: Divulgação – Vinho_Imagem de Jill Wellington por Pixabay

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *