Cambão exaltou a força do agronegócio e do Entorno em discurso na Alego

O Deputado Wilde Cambão (PSD/GO) destacou no plenário da Assembléia, que Goiás tem que ter muito orgulho e exaltar a força dos municípios no agronegócio

Fotos e Vídeos: Alego

De acordo com dados da SEAPA/GO e da Pesquisa Agrícola Municipal (PAM), do IBGE,
Goiás está na “Sexta Posição” entre os Estados com maior valor de produção agrícola total, sendo que 17 municípios goianos estão nos rankings de dez maiores valores de produção.

O parlamentar, durante a Ordem do Dia da Sessão Ordinária Híbrida da quinta-feira, 23/09, parabenizou a cidade de Cristalina e demais municípios do Entorno de Brasília.
O deputado destacou que Cristalina ocupa, hoje, no Brasil, o sétimo lugar no ranking, no
que se refere ao valor obtido com produção agrícola. “São mais de R$ 3,44 bilhões”,
afirmou.

Trabalho conjunto entre prefeituras e Governo “Parabenizo o Prefeito de Cristalina, Daniel Vaz (PSB), e todos os produtores rurais da região que se dedicam à produção agrícola, que têm salvado nosso País, principalmente nesse momento de pandemia de Covid-19. Tenho certeza de que a produção aumentará ainda mais, já que o governador Ronaldo Caiado (DEM) tem feito investimentos na região.

A Enel inaugurou uma estação na cidade, recentemente, que deve resolver os problemas de queda de energia”, frisou.
Cambão também destacou que o Entorno de Brasília é uma das prioridades na gestão de Ronaldo Caiado. “Essas cidades têm recebido investimentos por parte do Governo e esse é um trabalho em conjunto com os prefeitos desses municípios. Um exemplo foi o trabalho realizado pelo Estado em parceria com a Prefeitura de Valparaíso para revitalizar a GO-577.

A rodovia foi toda reformada e deixo, aqui, meus parabéns também ao prefeito Pábio
Mossoró (MDB) pelo empenho”, concluiu.

BOX – Ranking Nacional

Ranking nacional de municípios com maior valor de produção total em 2020, segundo a PAM/IBGE

1º – Sorriso (MT), com R$ 5,34 bilhões
2º – São Desidério (BA), com R$ 4,60 bilhões
3º – Sapezal (MT), com R$ 4,28 bilhões
4º – Campo Novo do Parecis (MT), com R$ 3,79 bilhões
5º – Formosa do Rio Preto (BA), com R$ 3,74 bilhões
6º – Nova Ubiratã (MT), com R$ 3,47 bilhões
7º – Cristalina (GO), com R$ 3,44 bilhões 8º – Maracaju (MS), com R$ 3,37 bilhões
9º – Rio Verde (GO), com R$ 3,32 bilhões
10º – Nova Mutum (MT), com R$ 3,22 bilhões

Acesse por aqui e Assista o Vídeo e Saiba Mais:

Fontes: Agência Assembléia de Notícias e SEAPA/Goiás

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *