Segunda, 27 de Maio de 2024 17:58
(61) 99213-8686
Dólar comercial R$ 5,17 0.085%
Euro R$ 5,62 +0.136%
Peso Argentino R$ 0,01 -0.21%
Bitcoin R$ 381.362,81 +1.061%
Bovespa 124.495,68 pontos +0.15%
Geral Paraíba

Governo implanta programas de fomento à agricultura familiar e segurança alimentar em Areia

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (Sedh), implantou, nessa sexta-feira (19), na cidade de Areia, no ...

20/04/2024 17h57
Por: Redação Fonte: Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (Sedh), implantou, nessa sexta-feira (19), na cidade de Areia, no Brejo paraibano, os Programas de Aquisição de Alimento-Compra com Doação Simultânea (PAA-CDS) e PAA Leite, beneficiando 500 famílias em situação de vulnerabilidade social cadastradas no Centro Social Urbano Alice de Almeida. Na ação de promoção da segurança alimentar, também foram entregues cestas básicas nas Comunidades Quilombolas Novo Mundo e Bonfim.

A secretária de Estado do Desenvolvimento Humano, Pollyanna Dutra, fez a entrega do leite, marcando a implantação do PAA-Leite no município. O programa é executado pelo Governo da Paraíba, em parceria com o Governo Federal, e integra o Programa de Aquisição de Alimentos, de fomento à Agricultura Familiar, adquirindo o leite dos pequenos produtores rurais, aquecendo a dinâmica no campo e oferecendo alimento de qualidade às pessoas mais vulneráveis. Em Areia, serão entregues até sete litros de leite semanalmente para famílias beneficiadas.

Pollyanna Dutra lembrou da importância dos Programas PAA-Leite e PAA-CDS por se tratar de alimento. “Nunca mais faltará o leite em Areia, toda semana vamos entregar. Até aqui nos abençoou o Senhor, porque não faltará alimento para quem mais precisa. Vejo aqui muitas mulheres com filhos nos braços. Agora as famílias de Areia terão o leite para colocar no cuscuz, fazer uma vitamina, uma papa, um angu”, finalizou a secretária.

Expansão do PAA-Leite – No final do ano passado, o Governo do Estado deu início à ampliação e à abrangência do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA-Leite), antes presente em 78 municípios. Atualmente, são 85 com a inclusão dos municípios de Lagoa Seca, Pombal, Areial, Esperança, João Pessoa, Montadas e Areia; e está prevista a chegada aos municípios de Malta e Cajazeirinhas.

O Programa atende no Estado mais de 40,1 mil famílias em situação de vulnerabilidade social e insegurança alimentar. Atualmente são adquiridos, beneficiados e distribuídos mais de 239,3 mil litros de leite de cabra ou vaca semanalmente, comprados junto aos mais de 1.500 produtores rurais da agricultura familiar cadastrados no programa, e beneficiados por nove usinas.

A dona de casa Tatiane de Lima Avelino Feitosa (28), casada, mãe de dois filhos, com 6 e 8 anos, foi uma das beneficiadas. Ela falou da satisfação e importância em receber o leite: “É muito importante porque meus filhos precisam que introduza outros alimentos e o leite vai servir para fazer outras comidas para eles. Está chegando em boa hora”, afirmou.

Ainda no município de Areia, a Sedh fez a distribuição de 3,6 toneladas de gêneros alimentícios como macaxeira congelada (descascada), iogurte e carne, garantindo o direito à alimentação de qualidade e beneficiando pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional cadastradas e atendidas pelo CSU. Os alimentos entregues são oriundos do Programa de Aquisição de Alimento-Compra com Doação Simultânea(PAA-CDS).

O PAA-CDS é um programa do Governo Federal, gerido pelo Governo da Paraíba, que tem como objetivo valorizar, fortalecer a agricultura familiar, a produção sustentável e a geração de renda; além de promover o acesso à alimentação em quantidade, qualidade e regularidade necessárias às pessoas em situação de insegurança alimentar e nutricional. Iogurte, polpa de frutas, macaxeira, arroz vermelho, carne e hortaliças são alguns dos gêneros entregues à população.

Estão sendo investidos R$ 4,9 milhões, contemplando 658 agricultores, em 14 municípios paraibanos (Areial, Baía da Traição, Barra de Santa Rosa, Cabaceiras, Itabaiana, Mari, Pedras de Fogo, Pitimbu, Pocinhos, Pombal, São João do Rio do Peixe, São Sebastião de Lagoa da Rosa, Sapé e Sossêgo).

A doméstica Maria das Dores Guedes (58), mãe de uma filha, falou em nome das famílias beneficiadas, e lembrou emocionada das dificuldades enfrentadas por elas: “São muitas as necessidades que as famílias têm, as coisas estão difíceis. Não há dinheiro que pague o que estão fazendo por nós”.

Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Foto: Reprodução/Secom Paraíba
Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias